Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Quarta-feira, 20 de Abril de 2011

Acer

A Acer é uma empresa de material informático.

Fundada em 1976 por Stan Shih, a sua mulher Carolyn Yeh e outras cinco pessoas, em Hsinchu City (Taiwan), com o objectivo de quebrar as barreiras existentes entre as pessoas e a tecnologia. A empresa começa por apostar na distribuição de componentes electrónicos e no serviço de consultadoria a empresas na utilização da tecnologia de microprocessadores.

Na altura, com o nome Multitech, a empresa constituída por 11 empregados e com um capital inicial de 25 mil dólares, veio na década de 80 a produzir computadores, inicialmente o Micro-Professor I e depois o Micro-Professor II e III, acusados de serem clones do Apple II.

Em 1987, a empresa altera a sua designação de Multitech para Acer. No ano 1990 a empresa adquire a Altos Computer Systems, que era na altura uma das maiores fabricante mundiais de multifuncionais e de sistemas de rede Unix.

Cinco anos mais tarde, em 1995, a Acer apresenta a gama Aspire que viria a ser o seu maior sucesso. Ainda hoje, o computador mais vendido da empresa é o portátil Acer Aspire 5100.

Em Fevereiro de 1997 a Acer adquire a Texas Instruments, fazendo com que a empresa passasse a ser a quarta maior fabricante de material informático dos Estados Unidos.

O novo milénio trouxe grandes sucessos à empresa que, por exemplo, passou a liderar o mercado de computadores portáteis a nível europeu.

Mais recentemente, em 2007, a Acer comprou 75% da Gateway, uma das maiores fabricantes de computadores dos Estados Unidos e no ano seguinte adquiriu também 75% da Packard Bell. Já em 2009, anunciou novas aquisições, com a compra de 29,9% da Olidata e a totalidade da empresa E-Ten.

No ano passado, em 2010, a Acer chegou ao segundo lugar ao nível de fabricantes globais, ultrapassando a Dell, mas ficando ainda atrás da HP.

Nos Estados Unidos a empresa está sediada na cidade de San José (Califórnia) e é onde desenvolve, essencialmente, actividades de pesquisa, investigação e desenvolvimento. Nos escritórios do Canadá a empresa coordena, essencialmente, as actividades de vendas, marketing e atendimento ao consumidor.

Nestes últimos anos a Acer tem sido uma empresa bastante ligada ao desporto através de inúmeros patrocínios, nomeadamente nos desportos motorizados e futebol. Desde o ano 2000 que a empresa está presente na Fórmula 1, inicialmente com a BAR-Honda e actualmente como um dos patrocínios principais da Ferrari. Está também presente no MotoGP, onde patrocina a Yamaha Team. No futebol a sua ligação começou na época 2007 em que se tornou a empresa oficial de material informático do FC Barcelona até 2009 e é actualmente o fornecedor oficial do FC Internazionale, de Milão.

Em Portugal há vários anos a empresa disponibiliza um grande leque de produtos, desde computadores portáteis (Aspire e TravelMate), netbooks (Aspire One), smartphones (Liquid, beTouch, neoTouch e Stream), tablets (Iconia Tab), Desktop PC (Aspire e Veriton), monitores LCD, televisões LED e ainda uma vasta gama de projectores.

Quanto à nova imagem a Acer com este novo logotipo deixa cair o seu conhecido "e", e com um tom de verde mais claro, a empresa aposta numa imagem mais agradável ao olhar, com um aspecto mais moderno e actual.

Publicado por Rebrand às 10:34
permalink
Quinta-feira, 23 de Abril de 2009

Packard Bell

Rebrand Packard Bell

A Packard Bell é, actualmente, uma marca da empresa Acer.

Em 1926, durante a época dourada da rádio, surgiu nos Estados Unidos a Packard Bell, que teve grande sucesso devido aos seus populares rádios de consola que tinham um design muito elegante. O sucesso Packard Bell está também associado à sua ligação com a indústria electrónica militar.

Em 1948, a Packard Bell percebeu que a televisão estava a revolucionar o mundo e começou nesse ano a produzir os primeiros televisores.

Em 1978, a Packard Bell, foi adquirida pela Teledyne Technologies.

Já em 1986, a Packard Bell foi adquirida por uns investidores que utilizaram o seu nome para uma nova empresa que produzia computadores pessoais, de baixo custo, direccionados para o utilizador doméstico.

A Packard Bell está, desta forma, envolvida nas três maiores revoluções ao nível das comunicações mundiais: rádio, televisão e computadores.

Na década de 90, a NEC (Nippon Electric Company) comprou a Packard Bell.

Em 1995 a Packard Bell era a empresa que mais computadores vendia nos Estados Unidos, porém eram acusados de ter pouca qualidade. Em 2000, a NEC retirou a Packard Bell dos Estados Unidos, devido a acusarem-na de produzir computadores de fraca qualidade e mudou-se, então, para a Europa, onde continuou a ser popular estando em terceiro lugar no ranking de vendas.

Em 2004, o ex-dono da eMachines (que vendeu esta empresa à Gateway) adquiriu a Packard Bell e sediou-a na Holanda (passando a chamar-se de Packard Bell BV).

Em 2007 a empresa foi adquirida pela chinesa Lenovo.

Em 2008 a Acer comprou 75% da Packard Bell, empresa que controla, actualmente, a marca.

A Packard Bell não tem, nem nunca teve, qualquer relação com a Hewlett-Packard (HP), nem com outra grande empresa americana Bell System (actual, AT&T), apenas a coincidência dos nomes serem iguais.

Em relação à nova imagem, a Packard Bell, justifica-a da seguinte forma:

"Vivemos num mundo colorido. Cada cor tem um significado diferente consoante a cultura, sendo igualmente utilizada para expressar diferentes emoções e inspirar a linguagem. As cores na zona vermelha da gama de cores são conhecidas como tons quentes. Estes tons quentes evocam emoções que vão desde uma sensação de calor e conforto a sentimentos de paixão e prazer.

Enquanto a cor roxa está conotada com ostentação e sofisticação, e também mistério, inveja e introspecção, a cor vermelha está associada a calor, energia e sangue, para além de emoções como excitação, paixão, amor e outras mais. A cor roxa não estimula o mundo exterior, mas descontrai-o e acalma-o. A cor vermelha transmite ambição, poder, vitalidade, entusiasmo e desejo de conquista. O vermelho comunica com o mundo exterior numa linguagem clara, distinta e visualmente apelativa. O vermelho amplifica a personalidade e intensifica a vida. Chama a atenção, capta-a e prende-a. O vermelho é a cor no seu melhor. O vermelho é a cor ideal para incutir na marca Packard Bell a personalidade e identidade forte que lhe permitirão posicionar-se como o líder do seu segmento específico.

Mas a identidade visual da Packard Bell não passa apenas pela alteração da cor de roxo para vermelho. Expressa também todo o conceito de renovação da Packard Bell, evoluindo de contornos acentuados para outros mais arredondados, na direcção de produtos cada vez mais diferenciados pelo seu forte empenho num design genuíno, mobilidade e facilidade de utilização. Assim, a Packard Bell quer passar a imagem de "PB" para que os consumidores associem melhor o seu novo logótipo à empresa, com novas perspectivas para o futuro.

Publicado por Rebrand às 18:37
permalink

O Alfabeto Português!

Todas as letras e todas as regras do alfabeto da língua portuguesa!
alfabeto.pt/o-alfabeto-portugues.html
Rebrand de A a Z: A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z
Rebrand © 2013
Acompanhar no Facebook
Seguir no Twitter
Subscrever RSS
TRANSLATE:

MAIS RECENTES

Acer

Packard Bell

CATEGORIAS

Automóveis Internet
Comércio e Retalho Moda
Comida e Bebidas Novas tecnologias
Desporto Org. Internacionais
Educação Saúde e Bem-estar
Entretenimento Serviços Financeiros
Grande Consumo TV e Comunicação
Identidade Corporativa Viagens e Turismo

ARQUIVO

2012: 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12
2011: 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12
2010: 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12
2009 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12